SER MÃE é quem cuida, ama, educa e prepara para a vida, e necessariamente não precisa ser uma mulher!





































Ser mãe não é tão fácil, mas é tão gratificante, que a gente esquece todo o trabalhão e fica sempre com a boa lembrança, mesmo das noites mal dormidas, da eterna preocupação, da doação integral, nem se for em pensamento. Quanto temos um, ou mais filhos, esquecemos um pouco do resto do mundo, porque centralizamos tudo neles. Nos excedemos em cuidados, em mimos, em carinhos. Amamos nossos pimpolhos incondicionalmente, mesmo que estejam crescidos e independentes e tampouco tenham nascido de dentro de nós.Nos dividimos em mil para cumprir nossa rotina, mas eles sempre merecem lugar de destaque em nossas vidas. Somos assim, derretidas por eles. Vibramos com cada conquista. Choramos por cada tropeço. Mas somos assim, e somos felizes. E os queremos sempre felizes, fortes, saudáveis. Somos assim..........derretidas ou derretidos por eles!

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Pedro do Baião e do Cordel é bauruense e está na chamada do Criança Esperança!